Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Tempo Agora

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Sesmet oferece exame periódico específico aos professores da rede municipal de Quissamã

Os professores da rede municipal de educação de Quissamã estão passando pelo exame de videolaringologista na sede do Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho (Sesmt), como parte dos exames periódicos oferecidos e exigidos pela Secretaria municipal de Administração. O exame está sendo realizado pelo médico Roney Louvain, que explicou a necessidade do procedimento com esses profissionais.
“Nos professores o mais comum é observar o espessamento do terço médio das cordas vocais, que é uma lesão fonotraumática, pelo uso abusivo, constante e extremo da voz e, muitas vezes, errado. Por isso a necessidade de uma triagem para saber quem apresenta lesão ou não”, explica o médico, afirmando que todas as medidas de Saúde estão sendo respeitadas na realização do exame, como a assepsia dos equipamentos com clorexidina 4% degermante e mergulho em álcool 70%.
Segundo ele, o profissional que apresenta esta lesão deve ser encaminhado ao fonoaudiólogo para fazer uma readaptação para reaprender a usar a voz. E nos casos mais graves, dependendo do grau da lesão, é necessário até mesmo o afastamento da sala de aula. Disse ainda que até agora, a maioria dos examinados não apresentou nenhuma lesão.
Para Jerônimo Ramos de Lemos, professor do Fundamental I e há 10 anos em Quissamã, a importância do exame é que, por usarem a voz como instrumento de trabalho, se faz necessário saber se a estão usando de forma correta e caso seja detectado algum problema, isso seja feito de forma precoce, permitindo os cuidados necessário.
“Pensando sempre na saúde e manutenção da qualidade de vida dos professores, o exame tem a finalidade de detectar se há algum distúrbio de voz ou outros problemas laríngeos, já que a ferramenta principal desses profissionais é a voz. Por isso a importância desse exame”, esclareceu a coordenadora do Sesmet, Rita Andrade.

Galeria de Fotos