Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Tempo Agora

Semana Aedes Zero reforça a necessidade de ação conjunta no combate ao Aedes Aegypti

A Semana Aedes Zero em Quissamã foi aberta nesta segunda-feira (15) com ações educativas para profissionais do transporte da administração municipal e caminhada com orientação e distribuição de material educativo no Centro pelos Agentes de Combate a Endemias da Vigilância em Saúde. O objetivo da mobilização é combater o Aedes Aegypti, transmissor de doenças como Dengue, Zika e Chikungunya. Em 2023, Quissamã registrou índice zero de infestação do mosquito.

O cenário epidemiológico no Estado do Rio de Janeiro sugere uma possível temporada de alta transmissão em sete das nove regiões de saúde, demandando esforços para implementar ações de intervenção. Além do quadro, uma possível reintrodução do sorotipo 3 destaca a importância de reforçar medidas preventivas, segundo orientações da Sociedade Brasileira de Infectologia e da Organização Pan-Americana de Saúde.

Mediante ao contexto, a Visa intensificou as ações para sensibilizar a população sobre a importância de adotar medidas para eliminar possíveis criadouros do vetor, como informou o Coordenador da Vigilância Sanitária Municipal (Visa), Leonardo Barcelos.

“Estamos em um período quente e chuvoso, ideal para que o Aedes exista e o mosquito se reproduza. O objetivo é exatamente conscientizar a população sobre a importância de intensificar as ações de combate à dengue neste início de ano. O combate às Arboviroses só tem êxito quando o poder público municipal e a população realizam esse trabalho juntos. Os agentes de endemias estão realizando visitas nas casas todos os dias, em todos os bairros, mas a gente precisa que a população esteja com a gente nessa luta contra o mosquito da dengue”, destaca.

Em 2023, Quissamã teve números positivos no combate ao Aedes aegypti. O município registrou índice zero de infestação do mosquito transmissor de acordo com o Índice Rápido de Infestação do Aedes Aegypti (LIRAa). No ano passado, os agentes de endemias de Quissamã realizaram mais de 65 mil inspeções em imóveis, 50 atividades de promoção e prevenção. Os agentes passaram por atividades de educação permanente para manter um processo de qualificação constante.

Entre as medidas para prevenção, a manter limpos e fechados os reservatórios de água, recolher brinquedos do quintal quando não estiverem em uso, manter pneus em local coberto ou dar o destino correto, colocar areia nos pratos de planta, manter o lixo fechado e colocar para coleta no dia e horário corretos, manter as calhas limpas e garrafas viradas para baixo e limpar piscinas sempre que se mostrar necessário e, pelo menos uma vez por semana, os reservatórios de geladeiras.

Cronograma até sexta-feira (19):

Terça (16) – 9h:
Caminhada com distribuição de material educativo nos bairros de Carmo e Piteira.
Ação na Sala de Espera na USF do Carmo.

Tarde – Sala de Espera na USF de Caxias.

Quarta (17) – 9h – Caminhada com distribuição de material educativo no bairro do Matias.

Tarde – Sala de Espera na USF do Centro.

Quinta (18) – 9h – Caminhada com distribuição de material educativo no bairro do Sítio Quissamã.

Sexta (19) – 9h – Caminhada com distribuição de material educativo no bairro de Caxias.

Galeria de Fotos

cadastro enviado com sucesso

Seu Cadastro foi enviado com sucesso e será analisado por nossa equipe.