Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

IPMQ

Saúde faz esclarecimento sobre meningite

Diante de um caso de óbito decorrente de meningite bacteriana, registrado na madrugada do último sábado (8), de um paciente de 41 anos, morador no bairro do Carmo, em Quissamã, a secretaria municipal de Saúde informa que todas as providências cabíveis foram tomadas, com base no que preconiza o Ministério da Saúde (MS).
De acordo com o Ministério, “a meningite é um processo inflamatório das meninges, membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. Pode ser causada por diversos agentes infecciosos, como bactérias, vírus, parasitas e fungos, ou também por processos não infecciosos. As meningites bacterianas e virais são as mais importantes do ponto de vista da saúde pública, devido sua magnitude, capacidade de ocasionar surtos, e no caso da meningite bacteriana, a gravidade dos casos. No Brasil, A meningite é considerada uma doença endêmica. Casos da doença são esperados ao longo de todo o ano, com a ocorrência de surtos e epidemias ocasionais, sendo mais comum a ocorrência das meningites bacterianas no inverno e das virais no verão”.
O caso de meningite bacteriana em Quissamã foi confirmado através de exame laboratorial e notificado no mesmo dia (3) ao Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), como estabelece a legislação em vigor. As medidas profiláticas foram tomadas junto à família do paciente no dia 4, com a administração de medicamento por orientação do médico sanitarista Roberto Nascimento, responsável pela Vigilância em Saúde do município.
O secretário Linaldo Lyra tranquilizou a população sobre o caso. “É importante esclarecer que não há risco de disseminação da doença. Trata-se de um caso isolado, e não há necessidade de adoção de medida preventiva ampla, como vacinação da população”, explicou.

Galeria de Fotos