Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

IPMQ

Saúde e CEAM capacitam equipes das USF sobre atendimento à violência contra a mulher

A coordenação da Estratégia de Saúde da Família – ESF, em parceria com a coordenação do Centro Especializado de Atendimento à Mulher – Ceam, programou uma série de capacitações para as equipes das Unidades de Saúde da Família – USF, com o objetivo de sensibilizar, trocar experiências e oferecer formação continuada sobre o enfrentamento à violência contra a mulher, uma vez que a rede de proteção também engloba os profissionais da saúde. A primeira, aconteceu nesta segunda-feira (6), na USF de Caxias.
Durante a atividade foram discutidas os tipos de violência contra a mulher, a identificação dos fatores sociais e as situações de risco para a violência; a atuação da equipe de saúde básica em torno dos processos de identificação, levantamento de demandas e encaminhamentos em situação de violência doméstica, as possibilidades de ações conjuntas entre as secretarias de Assistência Social e Saúde, e a discussão dos direitos sexuais e reprodutivos, numa perspectiva de gênero.
De acordo com a coordenadora do CEAM, Nagila Oliveira, os agentes comunitários de saúde – ACS, “são atores sociais importantes nesta luta, que deve ser coletiva uma vez que em razão da atuação direta nas comunidades e nas residências, criam espaços importantes de escuta, de observação e orientação”.
Nagila explicou ainda, que a capacitação é por conta do alto índice de violência doméstica e familiar contra a mulher: “iniciamos pelo bairro de Caxias, onde encontramos números mais elevados da violência, considerando que desde a abertura do Ceam, em 2019, foi o maior índice de registros. Era fundamental passar para a equipe, pois eles ainda não tinham tido acesso a este dado”.
Os encontros serão estendidos para mais equipes das unidades. Nesta terça-feira (7), foi a vez da USF do Centro, que além da participação da Nagila, contou também com a psicóloga, Telma Gonçalves. Em Santa Catarina, a capacitação ocorrerá na próxima quarta-feira (15), sempre na busca pela ampliação e fortalecimento das redes de apoio e enfrentamento à violência que incluem também ações de prevenção.

Galeria de Fotos