Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Tempo Agora

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Quissamã recebe livros em parceria com projeto Geopaque para a Rede Municipal de Ensino

Escolas da rede pública municipal de Quissamã vão receber mais um reforço a partir do próximo semestre letivo. Através de uma parceria com o projeto Geoparque Costões e Lagunas do Rio de Janeiro, a Prefeitura de Quissamã, através da Secretaria municipal de Educação, recebeu nesta quarta-feira (27), 20 livros que serão integrados ao trabalho de educação ambiental nas 12 escolas de nível fundamental.
O livro “Superferas Respodem: uma aventura pelo projeto Geoparque Costões e Lagunas” explica de forma didática vários temas da geologia, geociências, geodiversidade, indicado para ser utilizado nas 12 escolas de nível fundamental. Os personagens são apresentados como super-heróis geológicos que contam a história do planeta Terra.
“Gostei muito do material, é muito bem ilustrado e os personagens passam as informações para as crianças de uma forma lúdica, tem realmente a cara do nosso público infantojuvenil das escolas. E o tema passa muito pela proposta de conhecimento e preservação dos patrimônios. É também um processo de construção de formação continuada, que é um processo que fazemos ao longo do ano e podemos montar um grupo de interesse voltado para a história geológica. Até para utilizar o livro de uma forma mais direcionada e com essas possibilidades do conteúdo prático”, destacou a presidente do Fundo Municipal de Educação, Amanda Fragoso.
Os livros foram entregues pelo Geólogo da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ e coordenador de geocomunicaçaao, Felipe Abrahão e o Geógrafo da Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ e pesquisador, Marcus Felipe Cambra.
O Geoparque compreende áreas de interesse científico, didático-pedagógico, turístico, histórico, pré-histórico e ecológico. Traz a história geológica, chamada de “turismo científico”.
“O Geoparque é isso, trabalha com propostas, através da educação, como uma forma de preservar seus patrimônios naturais e riquezas, onde valorizam os patrimônios geológicos de relevância internacional e outros, como sítios, paisagens, que compõem os municípios. Em Quissamã temos o Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba, com 18 lagunas na extensão, além de ter uma particularidade muito grande que é o Quilombo da Machadinha”, comentou Cambra.

Galeria de Fotos