Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

IPMQ

Quissamã lança Programa de Especialização para professores da rede municipal

Com a meta de ofertar formação continuada para os profissionais da rede municipal de ensino, a Prefeitura de Quissamã, por meio da Secretaria Municipal de Educação, lançou o Programa de Bolsa de Estudos de Especialização para professores. A Lei 2207/2022, que valida o programa, foi sancionada nesta segunda-feira (23), pela prefeita Fátima Pacheco, durante encontro na sede do Executivo com um grupo de professores, e as presenças do vice-prefeito e secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Pesca, Marcelo Batista, da secretária de Educação Helena Lima, e do subsecretário de Governo, Paulo David Nogueira.
“O programa vai contribuir para a formação dos professores que se desdobrará num melhor desempenho do profissional em sala de aula. A Educação em Quissamã passa por uma grande transformação. Estamos reformando a estrutura das escolas, construindo novas, dotando as unidades de material pedagógico de qualidade e equipando a nossa rede com o que há de melhor na tecnologia; inclusive entregamos notebooks a todos os professores no ano passado”, enfatizou a Prefeita Fátima Pacheco.
As bolsas para os cursos de Graduação, Pós-graduação, Mestrado e Doutorado, integrais e sem ressarcimento são para professores efetivos do município há 03 (três) anos, nos níveis I e II, B e C e Professor Orientador Educacional, Professor Orientador Pedagógico, Professor Supervisor Educacional e Professor Psicopedagogo.
“O zelo da Prefeita com a educação permite esse avanço. Ganha o professor, com a oportunidade de abrir o seu horizonte de conhecimento, com o suporte econômico durante o curso, e ganha o aluno com a inserção de novas perspectivas de ensino”, avaliou a professora da rede municipal, Kyria Rychelle.
Ainda este ano, a previsão é de que sejam disponibilizadas 95 vagas e mais 190, distribuídas igualmente entre os anos de 2023 e 2024 de acordo com o Projeto de Lei. Em três anos, o investimento previsto é de mais de R$ 1,8 milhão. Após a sanção, será publicado edital regulamentando o processo de seleção com abertura de vagas, período de inscrições e requisitos.
“O município também terá como retorno a produção constante de uma série de materiais acadêmicos que servirão de fonte de pesquisa, motivando para que outros profissionais da educação busquem novas graduações, com reflexo no plano de cargos e salários”, enfatizou a secretária de Educação Helena Lima.

Galeria de Fotos