Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

IPMQ

Quissamã fica em 1° lugar no Estado do Rio em ranking de atendimentos da Saúde Bucal

Quissamã ficou em 1º lugar no ranking dos municípios que obtiveram bom desempenho na meta traçada pelo Estado do Rio, dos tratamentos concluídos e estimados da primeira consulta odontológica pela equipe de saúde bucal na Atenção Primária de Saúde – APS. Essa conquista reflete o desempenho de toda a equipe odontológica no retorno dos tratamentos após a pandemia do Covid-19, totalizando 640 atendimentos de janeiro a abril de 2022, referente ao primeiro quadrimestre, incluindo consultas emergenciais, eletivas e reabilitadoras.
Em 2022, uma nova meta de 0,50 foi definida por tratamento odontológico concluído. Nos quatro meses iniciais do ano, em que esse indicador começou a ser monitorado, 28 municípios alcançaram um bom desempenho, evidenciando Quissamã (9,28), que ficou em primeiro lugar, seguido por Saquarema (4,27), Barra Mansa (3,53), Itaocara (2,04), Barra do Piraí (1,71), Mesquita (1,53), Piraí (1,44), Porto Real (1,20), Itaguaí (1,17), Bom Jesus do Itabapoana (1,06) e Armação dos Búzios (1,05).
A mudança ocorre em função da necessidade de se avaliar o acesso ao cuidado em saúde por meio das consultas odontológicas, como também a resolutividade e a continuidade da atenção à saúde bucal na Atenção Primária de Saúde. O indicador anterior era mais adequado ao contexto da pandemia de Covid-19 e de difícil monitoramento. Vale ressaltar que a Estratégia de Saúde Bucal – ESB e APS, não registraram nenhum tipo de tratamento odontológico concluído no período, em 18 municípios.
Desta forma, espera-se que o novo indicador contribua para organização da oferta de
serviços essenciais em saúde bucal na APS e para o monitoramento das ações, estimulando as coordenações municipais a incorporarem esse e outros indicadores no processo avaliativo do desempenho de suas equipes na meta é traçada por quadrimestre.
“O indicador mensura quantos tratamentos odontológicos foram concluídos em toda rede de saúde da APS que possui consultório odontológico. No trabalho que desenvolvemos na coordenação de odontologia, propomos aos pacientes, tratamento e isso reforça no pós Covid-19, que conseguimos realizar o início, meio e fim do procedimento. Não queremos apenas solucionar o problema na hora da dor. Com isso, proporcionamos ao paciente, a condição de saúde bucal adequada”, explicou Mateus Lima, coordenador do programa de Saúde Bucal.
O paciente pode procurar a coordenação do programa no Centro de Saúde Benedito Pinto das Chagas para uma avaliação e em seguida, é iniciado o tratamento, seja ele restaurador, cirúrgico, ortodôntico, entre tantos outros tipos de procedimentos eletivos, além dos emergenciais. Esta característica de Quissamã, fortalece cada vez mais o município e acolhe os moradores com o devido cuidado que eles merecem.

Galeria de Fotos