Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

IPMQ

Prevenção ao suicídio volta a ser tema de roda de conversa

A temática prevenção ao suicídio foi abordada em roda de conversa, na manhã desta terça-feira (8), no auditório da Prefeitura de Quissamã. A atividade, envolvendo alunos do Ciep 465 Dr. Amilcar Pereira da Silva e do Colégio Cenecista Nossa Senhora do Desterro, foi uma continuidade das ações iniciadas em setembro, considerado o mês do combate ao suicídio, e contou com a participação da psicóloga e atualmente diretora do Ambulatório de Saúde Mental, Fabiana Marins; de Júlio César Pinto e Emanuelle Pessanha, do Programa Saúde do Escolar, e da estudante Diulyane Nascimento.
A ação, promovida pela secretaria municipal de Saúde, teve como objetivo reforçar a importância do diálogo, quebrar o tabu sobre o tema suicídio e ajudar quem está mais vulnerável. Em meio ao bate-papo, a psicóloga Fabiana Marins reforçou a importância das pessoas buscarem ajuda profissional. “A busca por ajuda é o melhor caminho, seja se abrindo com um amigo, ou até mesmo procurando por um profissional, e no município esse atendimento é oferecido gratuitamente”, disse Fabiana.
A estudante Diulyane Nascimento compartilhou com os participantes um pouco de sua trajetória e experiência. “Com ajuda profissional consegui superar momentos difíceis e conheci ferramentas para aprender a lidar com os meus problemas. Eu me culpava por tudo que havia acontecido comigo na infância e isso foi me deixando cada vez mais triste, e com o passar do tempo comecei a usar uma lâmina para me ferir e me livrar de toda dor que vinha sentindo, mas um dia, na escola recebi minha primeira ajuda. Não foi fácil aceitar, mas iniciei tratamento com um profissional, mesmo sem muita vontade, e hoje digo que valeu a pena. Graças a Deus, estou aqui firme e forte e agradeço a Fabiana Marins por ter me acompanhado e me ajudado a superar toda dificuldade”, ressaltou a estudante.
As ações de combate ao suicídio são intensificadas no Setembro Amarelo, uma campanha brasileira de prevenção ao suicídio, iniciada em 2015, em Brasília. Trata-se de uma iniciativa do Centro de Valorização da Vida (CVV), do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). Dados apontam que, no Brasil, o suicídio é considerado um problema de saúde pública e sua ocorrência tem aumentado entre os jovens.

Galeria de Fotos