Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Tempo Agora

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Prefeitura viabiliza pagamento de férias dos servidores

Por conta da virada do ano e consequente mudança nos valores da tabela do INSS, a Prefeitura de Quissamã fará o pagamento das férias dos servidores, relativo ao mês de janeiro, nesta quinta-feira (19). Os valores, referentes ao mês de janeiro, acrescidos de 1/3, estarão disponíveis nas contas bancárias dos mesmos. Serão mais de R$ 2 milhões injetados na economia.
“Em janeiro temos de esperar a tabela atualizada, que vem com valores modificados e só é liberada pelo Governo Federal após o dia 15. O nosso sistema operacional nunca foi preparado para empenhar na tabela antiga e depois reempenhar na nova. Após a publicação da tabela, temos que elaborar a folha de pagamento das férias e enviar para o órgão pagador que, atualmente, é a Caixa Econômica e a mesma necessita de 72 horas para processar nas respectivas contas”, explicou Udete Ferriol, Coordenadora Especial de Gestão.
Foi informado ainda que a equipe técnica da coordenadoria trabalhou excedendo o horário administrativo para conseguir liberar o mais rápido possível o pagamento. Porque com a mudança de valores, muitas vezes um servidor muda de faixa de desconto do INSS por uma diferença de centavos. Exemplificando: em 2016 quem recebia até R$ 1.556,94 tinha desconto de 8%. Já na tabela 2017, esse percentual é para quem recebe até R$ 1.659,38. Dados do setor informam que são 910 servidores de férias nesse período, sendo 793 da Educação, 81 da Saúde e o restante das demais secretarias e coordenadorias.
O secretário de Fazenda, Leilson Lyra, diz que sua equipe recebeu a folha no dia 17 e, imediatamente, agilizou sua liberação, permitindo que o pagamento saísse ainda nessa semana. “Como a maioria dos servidores em férias é da Educação, os recursos são, além da prefeitura, dos valores repassados pelo Fundeb – Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação”, explicou.
Leilson esclareceu ainda sobre a liberação dos valores do vale-transporte – Rio Card – que atende aos servidores que moram em outros municípios. Segundo ele, a prefeitura já efetuou o pagamento à instituição que administra o cartão vale transporte (Riocard), e que o atraso na disponibilidade dos créditos para os servidores se dá por problemas burocráticos da empresa. No caso dos funcionários da saúde, o pagamento será realizado sexta-feira (20), e a disponibilidade para utilização depende da Rio card.

Galeria de Fotos