Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

IPMQ

Parceria garante reforma e ampliação de escola quilombola e construção da torre do Mirante

Duas obras importantes para a Educação e desenvolvimento econômico de Quissamã serão realizadas em breve, numa parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado: Torre do Mirante do Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba e a Escola Municipal Felizarda Maria Conceição de Azevedo, em Machadinha. Na última semana, o subsecretário de Obras, Serviços Públicos e Urbanismo, Danilo Chagas acompanhou os engenheiros do governo estadual em vistoria nos dois locais.
Os projetos de construção da torre e reforma e ampliação da escola quilombola foram apresentados pela prefeita Fátima Pacheco à Secretaria de Estado de Infraestrutura e Obras do Rio de Janeiro para análise. No início de agosto, durante visita a Quissamã, o governador Cláudio Castro selou a parceria, confirmando a realização das obras.
– Essas duas obras são de grande importância para o nosso município e melhor ainda que teremos o Governo do Estado como parceiro. Cuidar da educação das nossas crianças e jovens, incentivar o turismo e criar ambiente de geração de emprego e renda. Vamos manter o diálogo com o governo do Estado para trazer mais benefícios para a nossa cidade – frisou a prefeita Fátima Pacheco.
Após a vistoria, os projetos e planilhas apresentados pela Prefeitura vão passar por possíveis ajustes, seguindo para licitação. A Secretaria Municipal de Educação já organizou logística para que não haja grande impacto nas atividades escolares quando as obras começarem. “Primeiro será construído o anexo e depois que estiver pronto, será feita a reforma no prédio principal, preservando as características da única escola quilombola do município”, afirmou Helena Lima, secretária de Educação de Quissamã.
O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Arnaldo Mattoso, destaca que a Torre do Mirante do Parque Nacional Restinga de Jurubatiba será um marco para o turismo quissamaense, levando em conta que 65% da restinga está dentro do município. “A construção da torre reafirmará a condição do Parque, como um dos melhores destinos do Estado do Rio de Janeiro, e vai agregar desenvolvimento econômico. É uma obra com pouquíssimos exemplares desse tipo de construção no Brasil, que permite uma visão completa de todas as áreas do parque. Ainda será um ícone arquitetônico”, afirmou o secretário.

Galeria de Fotos