Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Tempo Agora

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Ônibus do Hemocentro estará no município dia 18

Com o apoio da Prefeitura de Quissamã, a equipe do Hemocentro Regional de Campos dos Goytacazes estará, no próximo dia 18, no pátio da Igreja Matriz de Nossa Senhora do Desterro, das 9h às 16h, para coleta de sangue dos doadores voluntários do município. Pelas orientações do Hemorio, os homens podem doar de dois em dois meses, até quatro vezes ao ano e, as mulheres, podem doar de três em três meses até três vezes ao ano, sem prejuízo à saúde.
A equipe do Programa Municipal de Doação de Sangue, que este ano trabalha com o slogan ‘Doar sim, Isso é Amor’, informa que para que o ônibus venha realizar o trabalho de coleta, é preciso haver ao menos 70 pessoas com intenção de doar. Mas não há limite, então todos que se enquadram no perfil podem comparecer ao local e fazer sua doação, que poderá salvar várias vidas.
A assistente social do Centro de Especialidades Ana Maria Gonçalves frisa que o ônibus conta com médico e equipe de enfermagem e oferece o lanche após doação dos voluntários. Já a alimentação da equipe é fornecida pela Prefeitura, que também garante a água para todos os participantes durante o dia.
Segundo a diretora do Hemocentro Regional de Campos, Sandra Chalhub, atualmente a unidade necessita de todos os tipos sanguíneos. “Estamos chegando a um nível crítico do nosso estoque, a ponto de atendermos apenas casos de emergência. É um período muito complicado porque o movimento nas estradas aumenta e o risco de acidentes é maior. Contamos com a colaboração e sensibilidade da população, que tanto nos ajudou em 2017, para que possamos manter o estoque abastecido agora em 2018”, declarou.
Para ser doador, o voluntário precisa apresentar documento oficial de identidade com foto e tem de ser maior de 16 e menor de 68 anos, pesar mais de 50 kg e estar bem de saúde. E não é preciso estar em jejum, apenas evitar comidas gordurosas nas quatro horas que antecedem a doação. Também é recomendado para o dia da doação: fazer repouso mínimo de seis horas na noite anterior, evitar bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores, evitar fumar pelo menos duas horas antes da doação.
A doação se faz necessária porque não se consegue fabricar sangue, algo que só o corpo humano é capaz de produzir e uma única doação pode salvar mais de uma vida. Isso porque o sangue coletado é processado e dá origem a vários tipos de produtos, como hemácias, plaquetas e plasma. O organismo recupera em poucas horas o volume doado e para apressar essa recuperação, a pessoa deve fazer um lanche logo após o ato e tomar bastante líquido durante todo o dia.
Algumas pessoas não podem doar, como quem teve diagnóstico de hepatite após os 10 anos de idade; usuários de drogas; grávidas ou que estejam amamentando; e pessoas que estão expostas a doenças transmissíveis pelo sangue, como Aids, Hepatite, Sífilis e Doenças de Chagas. Também quem fez tatuagem só pode doar após um ano.
Para mais informações basta fazer contato com a assistente social Ana Maria Gonçalves pelos números (22) 2768-1390 | 2768-6452/ 99878-0182 ou pelo endereço eletrônico servicosocialcentrosaude.pmq@gmail.com

Galeria de Fotos