Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

IPMQ

Mais três municípios do Norte-Noroeste aderem ao Cidennf

Realizada na Cidade Universitária, em Macaé, a última Assembleia Geral Ordinária de 2021, do Cidennf – Consórcio Público Intermunicipal de Desenvolvimento do Norte e Noroeste Fluminense, aprovou o ingresso dos municípios de Macaé, Miracema e Porciúncula. O Consórcio recepcionou, também as cartas de intenção de Itaocara e Itaperuna. Apesar de um ano difícil, ainda sob a pandemia causada pela Covid-19, a reunião de encerramento do ano deixa uma esperança para o desenvolvimento regional, a partir da união das prefeituras das regiões Norte e Noroeste, que vislumbram novas possibilidades de desenvolvimento, com ações integradas.
Segundo a prefeita Fátima Pacheco, presidente do Cidennf, o ingresso de Macaé fortalece o Consórcio como organismo regional, voltado ao desenvolvimento das políticas públicas, “pelo fato de ser um município polo, referência no Brasil e por sede da Petrobras, maior empregador da Região”. O consórcio visa a discussão de políticas públicas regionalizadas com foco em questões como saúde, agronegócios, cultura, educação, empregabilidade e desenvolvimento econômico, mobilidade, infraestrutura, meio ambiente, turismo e segurança pública. A assembleia de sexta-feira (10), última do ano, abordou também temas como a abertura de crédito suplementar e a apresentação de projetos em andamento.
– Estamos sendo respeitados e tendo visibilidade, enfatizou Fátima Pacheco. “Agradeço ao Welberth, que sempre foi generoso, parceiro e humilde e tem uma carreira política extraordinária. Agradeço também a toda equipe do Consórcio”, ressaltou a presidente do Cidennf.
Durante o encontro, o prefeito Welberth Rezende, de Macaé, destacou a importância de pensar na região como um bloco de fortalecimento: “a proposta desta integração é causar um patamar de desenvolvimento além das nossas expectativas. Não podemos discutir o crescimento de Macaé sem unir as nossas fronteiras. A nossa região é a locomotiva do Rio de Janeiro. A decisão de aderir a esse consórcio é a prova de que Macaé não é mais uma ilha. Vamos todos seguir na mesma direção, pois se estivermos juntos, ninguém conseguirá nos parar, destacou o prefeito.
Também participaram da reunião, prefeitos e prefeitas de Cardoso Moreira, Carapebus, Italva, Porciúncula, São Francisco de Itapaboana; além de representantes dos municípios de Itaocara, Miracema, Campos dos Goytacazes, Bom Jesus do Itapaboana, Itaperuna e São Fidélis; o presidente da Câmara de Vereadores de Macaé; o secretário executivo do Cidennf, Vinícius Viana e equipe.

Galeria de Fotos