Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Tempo Agora

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Jovens do Programa Agente Mirim iniciam aula de música através de parceria com a União Quissamaense

Olhando para o potencial transformador que a música oferece, a Prefeitura de Quissamã, através da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), deu início a parceria com a Banda Musical União Quissamaense, nesta quarta-feira (10). Jovens do Programa Agente Mirim agora aprendem música na associação.

Além do incentivo à música, a atividade desperta foco, disciplina e comprometimento dos alunos, uma vez que precisam ser frequentes. A Banda Musical União Quissamaense é um patrimônio do município de Quissamã e oferece aulas de música instrumental gratuitamente para os moradores há quase 110 anos.

“Vamos buscar profissionalizar as crianças para que também possam ser músicos independentes, mesmo com vínculo com o projeto da Assistência Social. Dou aula de música há 32 anos e já senti uma conexão muito bacana com eles, que adoraram a primeira aula. Nosso objetivo é trabalhar para que no final do ano os alunos já estejam aptos para uma apresentação. Só tenho que agradecer a prefeita Fátima Pacheco e a secretária Tânia Magalhães, que sempre foram grandes parceiras e incentivadoras do projetos de música. Trazer esses jovens para fazer parte da história da União Quissamaense é de extrema relevância para eles, para a família e para nós”, comentou o músico e professor, Alrênio Barreto.

São 30 alunos de 7 a 15 anos, que praticam as aulas nos períodos da manhã e da tarde. Às quartas, aula com Alrênio Barreto e às quintas-feiras, com Gilmar Ferreira. O foco das aulas é nos instrumentos de sopro, como flauta, flauta doce e clarinete, entre outros. Os mais jovens aprendem iniciação musical e os mais velhos aprendem teoria musical, com partitura. Todos os alunos recebem lanche da Secretaria.

“Importante parceria com a associação. Seria iniciada em 2019, mas a pandemia nos impediu de seguir em frente. A gente acompanha de perto e nossos jovens foram muito bem assistidos. E futuramente, mesmo quando não estejam mais aptos para o Agente Mirim, vão poder continuar na Banda, que é independente ao Programa. O início deles é através do projeto, mas o vínculo dos alunos ultrapassa isso”, destacou a Secretária de Assistência Social, Tânia Magalhães.

Agente Mirim – O Programa tem a missão de promover a proteção social para redução das desigualdades e a inclusão social e produtiva dos partícipes, pela efetivação descentralizada da política de Assistência Social. Entre os principais objetivos estão orientar e capacitar crianças e adolescentes no desenvolvimento da autonomia e composição de valores, auxiliando-os nas interações sociais junto à comunidade, estimulando o diálogo, a solidariedade e o respeito mútuo.

Com a iniciativa, as crianças e adolescentes recebem treinamentos distribuídos em módulos com noções de análise de riscos, meios de prevenção, educação ambiental, noções de cidadania, ética, ações sociais, saúde bucal, higiene pessoal, educação no trânsito e primeiros socorros, entre outros temas relacionados ao desenvolvimento e vida em sociedade.

Galeria de Fotos