Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Tempo Agora

Educação conta com atendimento individualizado para combater defasagem na aprendizagem dos alunos

Com objetivo de reduzir a defasagem no processo de aprendizagem que possa ser apresentada por alunos da rede municipal de ensino, a Prefeitura de Quissamã, por meio da Secretaria de Educação, disponibiliza um atendimento individualizado em dois espaços pedagógicos. Além das disciplinas tradicionais, como português e matemática, os estudantes recebem apoio para superar dificuldades comportamentais, socioemocionais e necessidades sociais.

O programa conta com dois espaços pedagógicos: o Núcleo de Atendimento ao Educando (NAE) e o Espaço de Apoio Pedagógico (EAP), que oferecem suporte durante o contraturno escolar. Profissionais do NAE realizam uma triagem pedagógica no início do ano letivo para identificar os alunos que necessitam de acompanhamento especializado.

A Diretora do NAE, Gabriela Vasconcelos, destaca que o atendimento e encaminhamento são personalizados com base nas necessidades de aprendizagem e comportamentais dos alunos. O NAE direciona os casos para o Programa de Saúde Mental, oferecendo terapias neuropediátricas, psicológicas, psiquiátricas, fonoaudiológicas e psicopedagógicas. Também encaminha para o Programa Saúde na Escola (PSE), onde especialistas da rede de Saúde, como otorrinolaringologistas, oftalmologistas, odontologistas oferecem atendimento especializado.

“Somos um elo dessa parte de inclusão, como porta de entrada. Caso a escola e o aluno precisem desse olhar específico, o NAE atua com psicopedagogo, assistente social, psicólogo, fonoaudiólogo. Temos todos estes profissionais que fazem, primeiramente, uma triagem e identificam as necessidades das crianças que precisam de um olhar mais atento para o desenvolvimento de autonomia, da aprendizagem, de vida. Mas também fazemos encaminhamentos com laudos para atendimentos nas unidades de saúde do município”, contou.

Já no EAP, os alunos que passaram pela triagem do NAE recebem atendimentos individuais ou em pequenos grupos pelos professores que são especializados no processo de alfabetização, que desenvolvem uma didática através de jogos e atividades voltadas para as necessidades de cada um. O EAP atende a demanda dos alunos que estão amparados pela Lei 14.254/21, que são os que necessitam de um acompanhamento com dislexia, Transtorno de Déficit de Atenção e outros transtornos de aprendizagem. As salas multifuncionais atendem os alunos no contraturno escolar.

“O Espaço conta com diretor, um orientador pedagógico e cinco professores para atender as demandas. Em caso de alunos com maior atraso, o professor promove o lúdico, com jogos, para a compreensão ser mais fácil. Essa parte visual e tátil atraem a atenção para alcançar o nível de aprendizagem desejável, pois são crianças que precisam de um estímulo maior”, disse a Diretora Joelma Marins.

Segundo a secretária de Educação, Helena Lima, os acompanhamentos mais próximos estão proporcionando uma experiência de aprendizagem mais eficaz e significativa para os alunos.

“Está sendo muito positivo, a gente consegue acompanhar o resultado desse atendimento. Estamos seguindo o planejamento com toda dinâmica que esses espaços propõem e vamos contribuir ainda mais para o avanço pedagógico dos jovens. Em poucos meses, vários alunos estarão aptos para dar continuidade ao processo de aprendizagem na escola sem necessidade desse suporte pedagógico do EAP”, disse.

Galeria de Fotos

cadastro enviado com sucesso

Seu Cadastro foi enviado com sucesso e será analisado por nossa equipe.