Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Tempo Agora

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Dia Nacional de Combate ao Diabetes Mellitus é celebrado em Quissamã

A Secretaria de Saúde, por meio do Programa Hiperdia, realizará duas ações educativas nesta semana, para celebrar o Dia Nacional de Combate ao Diabetes Mellitus, que foi no último domingo (26). Na próxima terça-feira (28), a partir das 8h, o coreto da Praça Brigadeiro José Caetano será o palco para a primeira atividade. Já na quarta-feira (29), também as 8h, os usuários do antigo PAI, irão se reunir na SCFV de Vínculos para Pessoas Idosas.
A campanha visa consciencializar as pessoas sobre a doença e divulgar as ferramentas para a prevenção. Para as pessoas que sofrem de diabetes, as ações visam difundir métodos para melhorar o conhecimento e prevenir as complicações. A celebração tem como finalidade, chamar a atenção das entidades oficiais, dos profissionais de saúde e da comunidade para a problemática da Diabetes Mellitus.
É importante que a pessoa busque atendimento médico nas Unidades de Saúde da Família – USF, quando apresentarem sintomas como sede anormal e boca seca, urina mais frequente que o normal, perda de energia, visão desfocada, fome constante, entre outros. A Diabetes é diagnosticada por análise sanguínea e deve ser acompanhada de forma contínua.
O diabetes acontece quando o pâncreas não é capaz de produzir o hormônio insulina em quantidade suficiente para suprir as necessidades do organismo ou quando este hormônio não é capaz de agir de maneira adequada. Existem basicamente três tipos de diabetes: os tipos 1 e 2 e o gestacional. O diabetes tipo 2 é o mais comum, correspondendo a 90% dos casos de diabetes.
Aproximadamente metade dos portadores de diabetes tipo 2 desconhecem sua condição, uma vez que a doença é pouco sintomática. Em contrapartida, o diagnóstico precoce do diabetes é importante, pois o tratamento evita suas complicações. Já o diabetes gestacional pode ocorrer em qualquer mulher durante a gravidez.
Para a nutricionista e coordenadora do Programa Hiperdia, Camille Ramos, tanto a adoção de uma alimentação saudável, quanto a prática da atividade física são pilares fundamentais para a manutenção de uma vida com mais qualidade. “Alimentar-se de três em três horas, dando preferência a alimentos ricos em fibras e pouco açúcar, é fundamental. Vale lembrar, que também é importante a ingestão de dois litros de água por dia, além de praticar atividades físicas de forma regular”, disse.

Galeria de Fotos