Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

IPMQ

Casa Social da Penha completa um ano de atividades

A secretaria de Assistência Social vai comemorar, na próxima terça-feira (29), o aniversário de um ano de atividades da Casa Social no bairro da Penha, que disponibiliza todos os serviços de assistência do município que, até então, eram oferecidos apenas nas unidades do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Centro e de Barra do Furado. A unidade atende também moradores do entorno, como Imbiú, Canto de Santo Antônio, Goiabal e Alto Grande, entre outras localidades.
Confira alguns números do primeiro ano: Serviço Social – 601, incluindo a oferta de benefícios eventuais, como cesta básica, gás de cozinha e pagamento de energia elétrica; 30 idosos em atividade semanal, no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Pessoa Idosa; 21 adolescentes, de 15 a 18 anos, em atividades na Casa e nos setores da Prefeitura; 102 crianças, de 7 a 14 anos, em atividade, três vezes por semana, na Casa; 30 participantes no Grupo de Mulheres com atividade semanal; e 96 atendimentos para Cadastro Único /Bolsa Família.
“A Casa Social é uma conquista, que contempla uma grande região, oferecendo todos os serviços da Assistência. São centenas de atendimentos diretos, se destacando as atividades que ocupam as crianças e jovens no contraturno escolar, oferecendo oficina de dança, informação cultural, reforço escolar e, principalmente, o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, permitindo que se entendam como autores das próprias vidas, da comunidade e do meio em que vivem, respeitando o outro e o meio ambiente”, informou a coordenadora dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), Rosemar Lemos.
Segundo ela, durante a festividade serão apresentados números das oficinas de dança e teatro, com os artistas e dançarinos sociais; e participação da banda da Escola Municipal Ignácio Hugo de Souza, formada pelas crianças que estudam na comunidade. Haverá, ainda, uma roda de conversa sobre o que foi alcançado e o que ainda será oferecido na unidade.
No grupo dos Agentes Mirins, de 7 a 14 anos, a coordenação é de Gabriela Bento e o planejamento é desenvolvido pela pedagoga Cláudia Márcia Almeida. No Jovens em Ação, de 15 a 18 anos, a coordenação é de Rosilene Pessanha. Em ambos, o trabalho é desenvolvido pelos profissionais Bruna Pessanha, Beatriz Ferreira, Maria Carolina Moura, Alcimar Gervásio, John Kennedy Paula e Vanesca do Desterro. Já no de idosos, a coordenação fica com Madalena Moreira, que tem o suporte da equipe formada por Beatriz Athayde, Daniela Freitas e Sônia Maria Gomes.
A Casa Social conta com parcerias com a Escola Municipal Inácio Hugo de Souza, Associação de Moradores da Penha, Guarda Municipal e Defesa Civil.

Galeria de Fotos