Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Tempo Agora

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Quissamã: Prefeitura e Estado dialogam sobre investimento na Cultura

A prefeita de Quissamã, Fátima Pacheco, recebeu a secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio (Sececrj), Danielle Barros, nesta terça-feira (1°). Na reunião, foram discutidos projetos de apoio ao desenvolvimento de políticas públicas no setor. Nos últimos meses, a pasta estadual está desenvolvendo programas para incentivar ações em todo o território fluminense, buscando a profissionalização dos fazedores de cultura.
Juntamente com a secretária municipal de Cultura e Lazer, Kitiely Freitas, Danielle Barros visitou equipamentos culturais de Quissamã, como Centro Cultural Sobradinho, Fazenda Machadinha e Museu Casa Quissamã. Os vereadores Janderson Barreto, Ailson Barreto e Simone Flores também participaram da reunião.No Memorial de Machadinha, a equipe da Sececrj acompanhou uma apresentação da história da comunidade quilombola.
“Recebemos uma visita muito importante, a secretária de Estado de Cultura, Danielle Barros. Conversamos sobre pautas importantes e atuais na Cultura, Turismo e sobre a riqueza cultural de Quissamã. Vamos ampliar e efetivar essa parceria com o Governo do Estado para levar Quissamã a avançar cada vez mais neste setor”, disse a prefeita Fátima Pacheco.
A Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio tem divulgado projetos e ações em todo o estado do Rio. De acordo com Danielle Barros, o objetivo é fomentar a cultura nos 92 municípios, levando investimento da capital ao interior. Desde o ano passado, já em meio a pandemia da Covid-19, a pasta lançou editais como o Cultura Presente nas Redes e os de incentivo através da Lei Federal Aldir Blanc, que beneficiou quatro projetos quissamaenses.
“Nossa equipe veio conhecer os projetos desenvolvidos no município, entre eles os da Aldir Blanc. É uma demonstração de união, reforçando os laços entre o Governo do Estado e Quissamã. Queremos acompanhar o desenvolvimento desse patrimônio da cidade, além das pessoas que fomentam a cultura”, conta Danielle Barros.
Em maio deste ano, a Sececrj lançou a Escola da Cultura RJ, com objetivo de democratizar o acesso a recursos financeiros para produções culturais e garantir a recuperação econômica do setor. O programa vai oferecer cursos livres para orientar profissionais da área e o público em geral na elaboração de projetos e inscrições em editais e chamadas públicas.

Galeria de Fotos