Rua Conde de Araruama, 425 – Centro Quissamã – RJ – Cep: 28.735-000

Tempo Agora

Secretarias

Nota Fiscal

Transparência

Diário Oficial

Serviços

Ouvidoria e E-sic

Prefeita participa de fechamento do Mês da Mulher e anuncia obras para Barra do Furado

A prefeita Fátima Pacheco participou nesta quinta-feira (31), no Cras de Barra do Furado, do encerramento da programação do Mês da Mulher de conscientização e prevenção da violência doméstica. Na ocasião, a prefeita anunciou obras de saneamento básico, além da construção de uma creche numa área de 2.000 m² e a nova orla de Barra do Furado.
“Em parceria com o D.E.R. estamos recuperando a estrada que liga Barra do Furado ao Centro, vamos modernizar o saneamento básico com a construção de uma nova Estação de Tratamento de Esgoto num investimento de R$ 8 milhões em parceria com a Funasa. O Cras II vai ganhar um novo espaço, pois a ETE será construída aqui. Barra do Furado terá uma creche no mesmo modelo da unidade do Sítio Quissamã, vamos licitar a obra ainda este ano. Na área do turismo, vamos construir a orla de Barra do Furado com ciclovia, pista de caminhada, piscina e parque. Quando o turista chega, todos ganham. Barra do Furado está a 40km do Centro e merece o mesmo cuidado”, frisou Fátima Pacheco.
Dentro da campanha de conscientização e prevenção da violência doméstica, as secretarias de Assistência Social e Saúde levaram diversos serviços ao público presente no Cras de Barra Furado. A enfermeira Sheila Barreto e a assistente social Isabel Alves, respectivamente, dos programas de Tabagismo e Farmácia Viva e de Tuberculose falaram sobre o tratamento oferecido na rede. O Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam) detalhou a rede de proteção à mulher oferecida pelo município e os canais de atendimento.
“A mulher pode cada vez mais avançar e ocupar mais espaços. Temos que combater, enfrentar essa questão, a violência não pode ser vista como algo natural. Que bom que temos aqui hoje mulheres e homens pra ouvir um assunto tão importante”, destacou a prefeita.
A secretária de Assistência Social, Tânia Magalhães, ressaltou que Quissamã possui uma rede de proteção à mulher consolidada com o Ceam, Neah, Sala Girassol e Patrulha Maria da Penha. “Qualquer dia da semana, a qualquer hora, nossas equipes estão prontas para atender. A violência doméstica se manifesta de diversas formas e mais do que a dor física, ela causa dor na alma da vítima. Se sofrerem algum tipo de agressão ou souberem que alguém está sendo vítima denunciem”, concluiu Tânia Magalhães.

Galeria de Fotos

Seu Cadastro foi enviado com sucesso e será analisado por nossa equipe.